Com início em 01/08, as qualificatórias para os playoffs da Stanley Cup 2020 ocuparam nosso tempo durante os últimos dez dias. Oito das dezesseis equipes se classificaram para enfrentar as oito outras equipes, até então, já classificadas. Ao decorrer dos confrontos acompanhamos os diversos acontecimentos como varrida, jogadores e goleiros bastante decisivos, eliminação de favoritos, lesões em integrantes importantes e mais. Vejamos a seguir um resumo geral com os principais destaques.

ROUND-ROBIN

Como já era de nosso conhecimento, quatro equipes de cada Conferência (Leste e Oeste) disputaram o round-robin para determinar seu seed do primeiro round dos playoffs. Da Conferência Leste, Boston Bruins, Philadelphia Flyers, Tampa Bay Lightning e Washington Capitals. Na Oeste, Colorado Avalanche, Dallas Stars, St. Louis Blues e Vegas Golden Knights.

Após os confrontos, a classificação ficou decidida assim:

Conferência Leste

1º Philadelphia Flyers (3-0-0)

2º Tampa Bay Lightning (2-1-0)

3º Washington Capitals (1-1-1)

4º Boston Bruins (0-3-0)

O principal destaque das quatro equipes fica com o time de Philly, que veio de uma boa sequência na temporada regular, antes da pausa da liga em março venceu os três adversários com grandes vitórias e garantiu o seed número 1. Em segundo lugar, os Bolts venceram os Bruins e os Caps, perdendo apenas para o imparável Flyers. Já em terceiro, os Caps não estrearam tão bem, perdendo no overtime o primeiro confronto para o time de Tampa e em sequência sendo batido pelos Flyers, finalizando assim com apenas uma vitória contra os Bruins. Por fim, em um destaque negativo, quem não apareceu foi o time de Boston, vindo do primeiro lugar na temporada regular, fecharam o round-robin em último lugar com três derrotas seguidas.

Conferência Oeste

1º Vegas Golden Knights (3-0-0)

2º Colorado Avalanche (2-0-1)

3º Dallas Stars (1-2-0)

4º St. Louis Blues (0-2-1)

No Oeste, o destaque é o Vegas Golden Knights, que conquistou o primeiro lugar após bater todos os três oponentes. Em sequência, a equipe do Colorado ficou com o seed 2, perdendo apenas para os Golden Knights. No último jogo do round-robin, Stars e Blues decidiram o seed de números 3 e 4, disputa que foi levada para shootout com o time de Dallas levando a melhor e ficando com a vitória. Como no Leste, o primeiro colocado da temporada regular, St. Louis Blues, terminou com o último lugar.

ELIMINATÓRIAS

Disputando séries melhor-de-5 jogos, as eliminatórias finalizaram da seguinte maneira:

Conferência Leste

Carolina Hurricanes vs New York Rangers (3-0)

Com varrida, os Canes foram a primeira equipe do Leste a garantirem vaga no primeiro round dos playoffs da Stanley Cup. O time de Raleigh conquistou três boas vitórias contando com a participação de seus principais jogadores e a bela atuação de seus goleiros. A série finalizou com Sebastian Aho anotando 8 pontos (3G, 5A), Andrei Svechnikov com 5 pontos (3G, 2A) – Svech marcou seus três gols em grande estilo, no segundo jogo da série, e iniciou os hat tricks das qualificatórias. Por fim e não menos importante, Petr Mrazek (GAA 1.50, SV% .940) e James Reimer (GAA 1.00, SV% .974) que com grandes defesas dificultaram o trabalho de grandes nomes dos Rangers como Artemi Panarin, Mika Zibanejad, Chris Kreider e mais. Com seed 6 na temporada regular, os Canes avançam para a próxima fase.

 

New York Islanders vs Florida Panthers (3-1)

A segunda equipe a se classificar foram os Islanders, que garantiu vitórias nos dois primeiros confrontos. Porém, no terceiro jogo, os Panthers conseguiram segurar a partida, vencendo e convertendo a série em (2-1). O quarto jogo, que para os Isles seria mais uma chance de fecharem a série e para os Panthers o momento de empatar e forçar um jogo 5, foi dominado pelo time de New York e, mesmo com boas defesas de Sergei Bobrovsky, o time da Flórida não conseguiu a vitória. Durante a série alguns nomes contribuíram mais para a classificação como Anthony Beauvillier (3G, 2A), Jean-Gabriel Pageau (3G), Brock Nelson (2G, 1A) e mais.

 

Montreal Canadiens vs Pittsburgh Penguins (3-1)

Possivelmente com o resultado mais imprevisível, mas não descartado, a série entre os Habs e os Pens acabou com um passe de primeiro round dos playoffs para a equipe de Montreal. Começando por um primeiro jogo que terminou em OT, os Canadiens levaram a melhor com o gol de ouro de Jeff Petry, porém no segundo dos jogos foram os Penguins que entraram para vencer e garantir o empate na série. Já no terceiro, os Habs voltaram a liderar, deixando o time de Pittsburgh em desvantagem e um passo da eliminação. No jogo decisivo, ambos os lados foram marcados por grandes defesas de seus goleiros, mas no terceiro período os Canadiens abriram vantagem, seguraram e por fim bateram o adversário. O grande destaque da série para o Montreal Canadiens foi Carey Price (GAA 1.67, SV% .947), o goleiro canadense que fechou o gol e não aliviou para Sidney Crosby, Evgeni Malkin e mais. Outros nomes como Shea Weber (2G, 2A), Jesperi Kotkaniemi (2G) e Jeff Petry, (2G, 1A) também contribuíram com sua equipe.

 

Columbus Blue Jackets vs Toronto Maple Leafs (3-2)

Na única série finalizada em um jogo 5, os Blue Jackets derrotaram o time da casa. Os Jackets venceram o primeiro confronto, logo em seguida os Leafs buscaram empatar a série e assim foi nos jogos 3 e 4. Com a série equilibrada em (2-2), o jogo 5 aconteceu com uma boa vitória do time de Columbus. Os principais destaques vão para o goleiro Joonas Korpisalo (GAA 1.45, SV% .956) que contabilizou dois shutout, Pierre-Luc Dubois (3G, 1A) que no jogo 3 de virada marcou um hat trick Cam Atkinson (2G, 3A).

Com isso, os confrontos da Conferência Leste foram definidos da seguinte maneira:

Conferência Oeste       

Calgary Flames vs Winnipeg Jets (3-1)

Na Oeste, a primeira equipe que garantiu vaga no primeiro round dos playoffs foram os Flames. Na série, o time de Calgary conquistou a vitória logo no primeiro jogo, porém em seguida foram os Jets que buscaram o empate e deixaram a série equilibrada. O terceiro dos jogos foi marcado por uma goleada de 6×2 dos Flames, assim como o quarto jogo, 4×0, que consagrou o time para a próxima fase. O goleiro Cam Talbot (GAA 1.51, SV% .945) terminou o último confronto com shutout, juntamente com outros nomes que contribuíram sendo eles Sean Monahan (2G, 4A), Mikael Backlund (2G, 1A), Elias Lindholm (2G, 1A) e mais.

Uma observação importante, que não podemos deixar de destacar é que o time de Winnipeg perdeu jogadores importantes como Mark Scheifele e Patrik Laine, os mesmos que por conta de lesões não puderam jogar e ajudar sua equipe.

Arizona Coyotes vs Nashville Predators (3-1)

Para a felicidade da torcida, após sete temporadas, os Coyotes se classificaram para os playoffs. Os Yotes iniciaram bem, vencendo o primeiro dos jogos, porém no próximo foram os Predators quem dominaram. Por fim, o terceiro e último confronto pertenceram ao time de Arizona. O destaque mais importante para a equipe vencedora foi seu goleiro, Darcy Kuemper que, com desempenhos cruciais, ajudou seu time a se qualificar. Kuemper (GAA 2.77, SV% .933) realizou 40 defesas no jogo 1, 39 no jogo 3 e 49 no jogo 4. Além disso, os Yotes contaram com a ajuda de Clayton Keller (2G, 2A), Christian Dvorak (2G, 1A), Taylor Hall (1G, 3A) e mais.

Chicago Blackhawks vs Edmonton Oilers (3-1)

Assim como na Leste, o confronto entre Blackhawks e Oilers nos trouxe mais um resultado imprevisível, mas não descartado, com base em suas colocações na temporada regular. Os Hawks bateram o time dono da casa em Edmonton e se classificaram para os playoffs. Em jogos de muitos gols, a equipe de Chicago começou a série garantindo vitória e assim foi nos jogos 3 e 4. A série foi marcada por muitos nomes, do lado dos Oilers Connor McDavid (5G, 4A) totalizou 9 pontos, possivelmente um dos maiores pontuadores das qualificatórias. Já do lado dos Hawks, o capitão Jonathan Toews (4G, 3A), Dominik Kubalik (3G, 3A), Olli Maatta (2G, 2A) e mais. Por fim, mesmo na pior seed dos classificados do Oeste, os Hawks avançam para os playoffs. 

Minnesota Wild vs Vancouver Canucks (1-3)

No último dos confrontos, os Canucks deixaram os Wild para trás e conquistaram a vaga nos playoffs. No primeiro dos jogos, foram os Wild que estrearam ganhando com uma boa vitória de 3×0, Alex Stalock, goleiro de Minnesota anotou um shutout, mas foram os Canucks que lideraram a série nos jogos seguintes. Assim como Stalock, Jacob Markstrom, goleiro de Vancouver, também anotou um shutout em grande desempenho no jogo 3. A quarta disputa foi a decisiva, as equipes precisaram de um overtime para finalizar a série e foi Christopher Tanev (1G, 3A) quem marcou o gol de ouro. Os Canucks, que não jogam os playoffs desde a temporada 2014/2015, retornam para disputar o primeiro round.

Com isso, os confrontos da Conferência Oeste foram definidos da seguinte maneira:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *