Claude Giroux

O all-in do Florida Panthers

O Florida Panthers apostou alto, dando um all-in na temporada 2021-22 em busca da sua primeira conquista de Stanley Cup. O time vem de duas temporadas seguidas disputando os playoffs e contando com uma equipe muito competitiva que está brigando com o Colorado Avalanche pelo President’s Trophy.

A temporada regular

Mesmo com a saída de Alexander Wennberg e Keith Yandle e do treinador Joel Quenneville, já no início desta temporada, a boa e equilibrada equipe dos Panthers comandada pelo interino Andrew Brunette melhorou e se tornou letal. 

Na atual temporada o ataque já marcou 322 gols em 77 jogos, o melhor de toda a liga. Jonathan Huberdeau é o líder de pontuação da franquia com 113 pontos, 30 gols e 83 assistências, seguido pelo capitão da franquia Aleksander Barkov com 86 pontos e Sam Reinhart com 77 pontos.

A defesa sofreu em média 2,83 gols por partida e mesmo com a oscilação depois da lesão de Aaron Ekblad, conseguiu se manter entre as dez melhores da liga. Os goleiros Sergei Bobrovsky (91,3%) e Spencer Knight (90,9%) mantêm bom percentual de defesas.

Panthers comemoram mais um gol, equipe é a mais efetiva da liga.
(Foto: Twitter: @FlaPanthers)

O all-in do Florida Panthers

All-in é uma expressão utilizada no pôquer, onde o jogador aposta tudo o que tem para ganhar ou induzir o adversário a desistir da disputa.

Fazendo uma alusão a situação do Florida Panthers, que buscando reforçar ainda mais a equipe para a disputa dos playoffs, buscaram Claude Giroux em uma troca com o Philadelphia Flyers, Robert Hägg com Buffalo Sabres e Ben Chiarot com o Montreal Canadiens.

As trocas foram boas e vão ajudar a franquia na busca pela Stanley Cup, o que se discute é o valor pago pelo Panthers. 

A troca por Robert Hägg foi a menos comprometedora em relação ao futuro da franquia, apenas uma escolha de 6ª rodada no draft de 2022. 

Para contar com Claude Giroux, os Panthers receberam também os prospectos German Rubtsov e Connor Bunnaman, além da escolha de 5ª rodada no draft de 2024, os Flyers em troca receberam a promessa Owen Tippett e a escolha de 3ª rodada de 2023 e a escolha de 1ª rodada no draft de 2024.

Os serviços de Ben Chiarot custaram alto, pois mandaram para Montreal o prospecto Ty Smilanic e as escolhas da 4ª rodada de 2022 e escolha da 1ª rodada de 2023.

O futuro

Com as fichas na mesa, o all-in dos Panthers já consumiu todas as escolhas de 1ª rodada dos próximos três anos, onde a probabilidade de ter um jogador de melhor qualidade e mais pronto para a NHL são mais altas. Outro fator interessante é que onze jogadores do atual elenco estão no seu último ano de contrato e ficarão livres no mercado ao final da temporada. Menos mal que não são jogadores que compõem a espinha dorsal da equipe como Barkov, Huberdeau, Ekblad ou Bobrovsky, assim mantendo a boa base para as próximas temporadas. Então, será que vai valer a pena?

Share this post

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on print
Share on email